terça-feira, 23 de abril de 2019

Bolo Sancho


O bolo Sancho (Farinha de centeio, queijo e fios de ovos) foi selecionado no concurso 7 maravilhas dos doces.
É das poucas obras palpáveis em 7 anos de governação.

segunda-feira, 22 de abril de 2019

“Puxar a Guarda para baixo”


O Jornal Interior faz uma análise à última Assembleia Municipal
Resume assim:
“Oposição critica herança de Álvaro Amaro na Guarda”
“A oposição uniu-se para traçar um diagnóstico pessimista sobre a situação financeira da Câmara da Guarda. Na última Assembleia Municipal, o socialista Hugo Carvalho considerou o relatório de contas de 2018 «uma mentira» e o centrista Henrique Monteiro pediu uma auditoria independente às contas da autarquia. O PSD e Carlos Chaves Monteiro insurgiram-se contra as críticas e acusaram a oposição de «puxar a Guarda para baixo» ”.
É interessante a posição e a resposta do novo Presidente da Câmara: “Puxar a Guarda para baixo”.
É interessante porque demonstra que ele enquanto cidadão nunca esteve na Guarda e passou ao lado de todas as discussões sobre a Guarda e de o PSD andar permanentemente a puxar a Guarda para baixo.
Bem vindo à Guarda e deixe-se desses argumentos sem jeito e tente fazer a obra que o seu antecessor anunciou.

domingo, 21 de abril de 2019

As mazelas não acabam no terraço


Voltou a mazela dos aros das grades.
Não aguentam o trabalho a que são sujeitas
Os pneus a as jantes dos carros é que sofrem
É no Parque de estacionamento de Mercado Municipal

sábado, 20 de abril de 2019

Dez anos depois: Garagem no Centro Histórico


Dez anos depois: Garagem no Centro Histórico (Rua Augusto Gil)
Dez anos separam estas fotografias. Descubra as diferenças

sexta-feira, 19 de abril de 2019

13 ou 30?



http://www.base.gov.pt/Base/pt/Pesquisa/Contrato?a=5250249
Dando respostas a comentários aqui fica a comparação.
É 13 ou é 30? Parece 13 mas pode ser 30. A qualidade da cópia divulgada no Portal Base é fraca.
Para que conste.

quinta-feira, 18 de abril de 2019

Dez anos depois: Casas no Largo de São João


Dez anos depois: Casas no Largo de São João (largo do cinema)
Dez anos separam estas fotografias. Descubra as diferenças

quarta-feira, 17 de abril de 2019

“80 por cento das provas do Campeonato de Perícias serão no Interior”


A Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting veio à Guarda apresentar o Campeonato de Portugal de Perícias para 2019.
O Presidente da Federação referiu que isto era muito interessante porque «Este Campeonato de Perícias está distribuído do ponto de vista geográfico de uma forma que me parece interessante, pois cerca de 80 por cento das provas têm lugar no Interior, uma lacuna que se vai colmatar nesta região.”
Mais interessante seria analisar porque é que as provas de perícia e outras se realizam no Interior e não no Litoral
Das muitas explicações que pode haver eu apresento uma:
Os Presidentes de Câmara do Interior continuam convencidos que estas realizações servem para dinamizar a economia local e coo tal aprontam-se para a sua realização entrando com as verbas necessárias para que haja espectáculo.
E lá vêm os corredores do litoral, a grande maioria, divertir-se à custa dios da terra e com gastos reduzidos.
E quando se pergunta qual o retorno e a mais-valia destas realizações são incapazes de avançar com números e apenas respondem, estamos a dinamizar a economia local. E entenda-se economia local alguma hotelaria, alguns restaurantes e muitos bares.